A origem das Lutas

Desde o início dos tempos o ser humano teve que aprender a lutar para se defender, caçar e sobreviver. Com o passar dos anos, a luta foi perdendo esta função principal e passou a ser um estilo de vida adotado por muitos. Hoje, as formas de lutas são mais conhecidos como artes marciais, separados por milhares de nomes, seguindo várias doutrinas e mandamentos, alguns milenares passados por gerações.

Com o passar dos anos, as artes marciais ganharam bastante espaço nas telas dos cinemas, todos adoravam aquilo, pessoas imbatíveis travando lutas corporais contra vários adversários, ao mesmo tempo. Os mais conhecidos como, Bruce Lee e Chuck Norris, faziam as pessoas entrarem em êxtase com suas habilidades de lutador. Mas como em todo o esporte tinham as pessoas a favor e as do contra, alguns diziam: Esse cara é só um ator, é tudo encenação, posso derrota-lo facilmente.

No entanto isso tudo foi deixado de lado depois do crescimento da Televisão. As pessoas queriam mais, batalhas reais, daí a ascensão do Boxe, um estilo de luta clássico e bonito de se ver que hoje perdeu um pouco do seu reconhecimento devido, as pessoas passavam horas na frente da TV, assistindo todas aquelas lutas até o Card Principal se iniciar e acabar em menos de um assalto, ou até mesmo em segundos, alguns lutadores levaram o esporte a quase perfeição, e tinham multidões de seguidores, eram alguns deles, Mohamed Ali, Mike Tyson, Holyfield, e muitos outros.

Anos mais tarde, surgiu uma nova modalidade, vindo pra acabar com toda essa discursão de luta real e combinada, surgiu o MMA (Mixed Marcial Arts ), como o próprio nome diz, um derivado de todas as artes marciais, um duelo franco, totalmente novo aos olhos de quem entendia de batalha corporal, e mais fácil para quem não entendia, pois as regras eram nocautear ou finalizar.

Assim, no início dos anos 90, surgiu o primeiro evento em escala mundial de MMA, o UFC 1, reunindo os melhores atletas do planeta e mestres das maiores artes marciais conhecidas, atraindo a atenção de todos para um só lugar, tendo como destaque a família Gracie, que já modelava o estilo MMA desde a década de 30. Nos início o UFC não tinha regras, tempo pra acabar a luta e nem luvas, também não havia categorias separadas por peso, (era todo mundo contra todo mundo) foi quando o Jiu-Jítsu se destacou entre as outras artes marciais, um exemplo perfeito para demonstrar isso foi Royce Gracie, usando a técnica da alavanca vencia seus adversários que pesavam até o dobro de seu peso. Conforme o crescimento o evento passou a ser realizado no mundo inteiro, hoje em dia as lutas são divididas em 3 ou 5 rounds com entre-descanso de 1 minuto.

Acompanhe o Superman Punch e fique atento a cada post, você vai conhecer um pouco mais desse mundo das lutas de MMA. Até a próxima.

Share this post

ApolloMarcelo

Pai do Ric, Diretor de Arte, Faixa-roxa de Jiu-Jitsu, Matador de Orcs e Administrador de um site sobre MMA 😎

No comments

Add yours